terça-feira, 11 de outubro de 2011

A vida é suas insinificância aos olhos do outro.....

Com tempo uma relação homem,mulher ou uma relação entre o mesmo sexo tornamos invisvel.....
Aos olhos do outro,como é complicado dividir a vida com outra pessoá.....
Os sonhos não batem mais,ficamos indiferente aos olhos do companheiro,os sentimento se esfriá....
Um mundo no vazio de uma alma tão profúnda ao tempo,restá é cada um seguir sua vida enfrente....
Revêr os rumos que á vida está tomando,prá onde seguir em que acreditar somos uma simples,despedida.
Uma vizita que se vê logo se despede,como uma canção que se hové é logo esquecemos ás letras...
Um ecó no vazio no silêncio de minha alma,posso agora ir embora,minha falta garanto que não vai sentir......
Fiz algúmas escolhas erradas talvés,mudei minha história passei minha vida para que outro á vivesé.
Deixei de lado tóda minha excência os sonhos,aquilo que sempre acreditei.....
Posso agora ir prá bem longe num lugar bem distante,recomeçar minha vida minha história....
Não esperé que a vida vai te levar as flores,ou que alguém vai mudar sua vida isso é pura ilusão....
Os jardim voçê que tem que plantaló,para um dia quem sabé flori outra vez....
Mesmo que colhá espinhos,rasgando á alma é o coração recontruir a vida é o meu dever....
Em Deus posso tudo ele me fortalece todos os dias 
mesmo chorando,lágrima de sangue....
Ando em rio de lágrima,á procura do céu de estrelá que existi em mim,prá um dia quem sabé...
Esse céu possa brilhar em mim,as estréla que existe em minha alma só esperá um toque de Deus.
Para poder ser feliz um dia eu serei,muito um homem realizado,cheio de paz é esperança e muito amor..
Andarei sempre a procura das estrela que brilha em mim,esse céu vai se iluminar em minha vida...

sábado, 8 de outubro de 2011

O tempo está passando feito um raio de luz rasgando o ceú entre as estrelas

Sempre buscamos algó que não conhecemos,á vida tem seus valores,mistério escondido......
Onde nem eu sei,o que a vida á vida me reserva o que posso dizer que estó disposto á enfrentar a vida.
Sáindo de sua vida estó preste á mudar os rumos da minha vida,encontrar o que se esconde em mim.
Ao gritar seu nome ouví em mim um ecó,se desprendendo aqui dentro que se soltó ao vento......
Para enfim ir de encontro com que se perdeu,ao longo do tempo que,se transformo as letras em canções......
Andei entré as linhas do tempos para poder te encontrar,pois em mim se perdeu as canções se esqueceu....
Para não ser cantadas nem faladas,ao pé do ouvidos vá embora encontre um novo amor....
Não esperé que eu vou te buscar entre as linhas do tempo,ando para longe de ti......



Andei uum pouco longe de mim esqueci de ti esquecer o tempo,passá foi está se apagando da minha memória....
logo seremos uma unica lembrança longiacá do que passó entre nóis dois....

Adeus até um dia quem sabe,um dia nós encontramos prá recomeçar de onde paramos....